Supercomputador Pára: Não Pagaram a Luz!

 No Brasil, o supercomputador mais potente da América Latina, denominado "Santos Dumont", pára de funcionar, pois não pagaram a luz!

 O motivo para este fato parece ser a crise econômica brasileira, uma vez que o governo não reajustou o orçamento do laboratório responsável pelo "Santos Dumont". Segundo a CBN, o supercomputador chega a gastar R$ 500 mil por mês em energia elétrica, uma vez que possui a capacidade de processamento de 1,1 petaflops. Deste modo, a conta de luz alcançou o consumo de 80% dos recursos do laboratório, tornando inviável seu funcionamento em tempo integral.
 Localizado em Petrópolis - Rio de Janeiro, no LNCC - Laboratório Nacional de Computação Científica, o supercomputador iniciou as suas atividades no ano passado. A partir daí, o laboratório vem selecionando projetos que demandam grande poder computacional – o que inclui pesquisas sobre o vírus zika, mal de Alzheimer e camada pré-sal.

Comentários

Postagens mais visitadas